Em comunicado interno distribuído ao mercado, o INMETRO após 3 semanas sem atualizações informa que aplicará a seguinte solução para os produtos que não podem ser registrados devido ao problema no ProdCert:

Informamos que devido a problemas com o Sistema PRODCERT, desde o dia 21/12/2018 não vem sendo possível o carregamento das remessas de certificados emitidos pelos OCP.

Por esta razão, com vistas a não prejudicar os fornecedores na obtenção, manutenção e renovação do registro, os processos de registro nas tarefas T03.1 (Concessão de Registro), T13A (Alteração de Escopo) e T03.2 (Renovação de Registro) estarão com o link de interface com PRODCERT desabilitado para que o processo possa ser finalizado pelo solicitante.

A avaliação quanto à conformidade do Atestado de Conformidade será feita pelos analistas por meio da verificação dos certificados anexados a cada processo, bem como por meio de consulta ao site do Inmetro para efeitos de evidenciar a condição de acreditado por parte do OCP para o escopo referente à Portaria vigente para o produto.

Tão logo o sistema PRODCERT volte à operação normal o link será reativado no Sistema Orquestra. 

Estamos à disposição para maiores esclarecimentos e contamos com a colaboração dos OCP no sentido de disseminar esta orientação aos fornecedores que enfrentaram dificuldades que impediram o avanço de seus respectivos processos de registro de objetos.

Atenciosamente,

Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) Diretoria de Avaliação da Conformidade (Dconf) Assessoria de Controle Pré-Mercado

(Ascop) www.inmetro.gov.br<http://www.inmetro.gov.br/>

Esperamos que esta solução entre em efeito o quanto antes.

Atualização em 15/01/2019: o sistema Orquestra já aceita registros realizados com digitação manual do número do certificado de conformidade.